Por que dançar faz bem? A dança como aliada do bem estar

maio 23, 2018

0
Por que dançar faz bem? A dança como aliada do bem estar

Por que dançar faz bem? A dança como aliada do bem estar

Publicado em : Artigos em por : admin

Nossa vida é feita de mudanças e a terceira idade talvez seja uma das fases que mais requer a nossa atenção. A chegada de algumas limitações e, com elas, as temidas dores, fazem com que precisemos de muita paciência para as adaptações necessárias. E com tantas novidades passando pelo corpo e pela mente, o que podemos fazer para nos movimentar de forma saudável, sem afetar as limitações físicas? Dançar pode ser a resposta. Por quê?

ADAPTAR-SE É VIVER

Cada fase da vida exige um tipo específico de aprendizado e, para isso, é preciso desenvolver práticas que estejam de acordo com seu estilo de vida naquele momento. Uma caminhada todas as manhãs, praticar natação ou hidroginástica, ir à academia e dançar podem ser os grandes aliados para tornar a vida mais agradável e garantir um bom condicionamento físico.

Você é o protagonista de sua própria história, portanto, investir em atividades físicas e aprimorar o condicionamento do seu corpo é a chave para trazer inúmeros benefícios também para sua mente. Como você pode ver na matéria Dicas para Envelhecer com mais Saúde, encontrar novas formas de melhorar o modo como você se vê e sua consciência corporal são a melhor pedida pra você ter uma vida tranquila e feliz. Comece já!

O PAPEL DA DANÇA NA TERCEIRA IDADE

A Terceira Idade inicia-se oficialmente aos 65 anos, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), trazendo muita sabedoria e algumas limitações corporais que, sem a devida atenção, podem colocar em risco sua qualidade de vida. Por exigir maior atenção e cuidados específicos, há quem diga que essa é a idade mais limitante, mas não é verdade.

Hoje existem diversas formas de se exercitar, desenvolvidas especialmente para os idosos e você pode se surpreender com o bem estar que uma atividade, em especial a dança, pode te proporcionar.

POR QUE DANÇAR FAZ BEM?

A dança assume um papel imprescindível na qualidade de vida de toda pessoa que a pratica. É verdade que, para dançar, é preciso empenho e dedicação. Não adianta tirar um dia na semana para praticá-la por uma hora apenas, você precisa adequar seus hábitos físicos e alimentares em casa também. Assim, as doenças mais comuns dessa faixa etária, como hipertensão, obesidade e osteoporose não terão vez na sua rotina.

Você não se sente confortável para dançar sozinho ou pensa que só existe a dança de salão como opção viável? Esqueça esse pensamento e invista em outros estilos que você possa praticar em grupo, com coreografias, como várias academias de dança oferecem a seus alunos. Diferentes estilos de dança, principalmente as modalidades em grupo, surgem como um dos principais benefícios à saúde física e mental.

ALIADA DA SUA AUTOESTIMA

Um dos principais diferenciais da dança é o estímulo ao convívio social que ela proporciona, além de motivar a desinibição que podemos perder naturalmente conforme a idade avança. Forte estímulo também emocional, a dança pode promover a integração de várias pessoas e contribuir para uma maior afinidade, criação de laços de amizade e companheirismo, contribuindo para novos ciclos de independência e autonomia.

Além do fator psicossocial, a dança promove uma melhora no equilíbrio e na coordenação motora. Responsável por diminuir falhas de memória e dificuldades de concentração, aumenta ainda o bem estar físico e emocional, pois exercita diversos grupos musculares e proporciona estímulos à memória, conscientização corporal e atividade cardiorrespiratória.

Ainda se sente um pouco desconfortável para dançar e se soltar em frente a pessoas desconhecidas? Comece devagar. O primeiro e mais importante passo é você compreender que, antes de tudo, a dança deve ser uma atividade prazerosa, que não te cause dores e que te ofereça conforto. Estar bem consigo mesmo é o que vai te proporcionar cuidar do seu dia a dia. E para te ajudar a estar sempre bem, a Rede Líderfarma preparou as melhores ofertas para você e toda a sua família.
Clique e veja nosso tablóide de ofertas

Clique e veja nosso tabloide de ofertas.

LEIA TAMBÉM: Memória dos idosos: cuidados e estímulos.