Seu filho força os olhos para enxergar?

fev 26, 2019

0
Seu filho força os olhos para enxergar?

Seu filho força os olhos para enxergar?

Publicado em : Artigos em por : Rede Líderfarma
  • ,
  • ,
  • ,
  • As aulas estão começando e se você tem filhos em idade escolar, sabe a importância de uma boa visão, principalmente nas fases de alfabetização. Mas o que fazer quando as crianças começam a ter dificuldades de enxergar?

    PROBLEMAS DE VISÃO

    Alguém da sua família usa óculos? Saiba que a maioria dos problemas de visão pode ser solucionada com medidas simples, desde que detectados precocemente. Os sinais que indicam que seu filho pode estar precisando de óculos são facilmente identificáveis e há muitas maneiras de proteger a visão das crianças desde o nascimento.

    Veja também Saúde ocular: preserve seus olhos em todas as idades

    Quando o bebê nasce, sua visão está se desenvolvendo com os diversos estímulos à sua volta. Se houver problemas diagnosticáveis, é nessa idade que eles podem ser mais facilmente percebidos, tanto por você como pelos médicos. É preciso que os pais entendam tudo sobre os olhos dos filhos, desde o colírio da maternidade até a escolha da armação dos óculos.

    QUAIS EXAMES OS BEBÊS PODEM FAZER?

    Há diversos outros testes pelos quais o bebê passa no início da vida, e o teste do olhinho ou teste do reflexo vermelho costuma ser muito eficaz quando o assunto é visão. Esse exame é capaz de detectar catarata e glaucoma congênitos, tumores, inflamações e hemorragias intraoculares.

    Para fazer o exame, o médico introduz uma luz nos olhos da criança e observa o reflexo gerado. Quando há dificuldade para identificar o feixe de luz, é hora de levar o bebê para um consulta oftalmológica. Mesmo quando os exames estão dentro da normalidade, é preciso que levar seu filho ao oftalmologista antes mesmo do primeiro ano de vida, para que o médico faça uma avaliação geral da visão da criança.

    É em consultas de rotina que o médico consegue perceber sinais de estrabismo ou miopia, além do auxílio do colírio dilatador para observar a necessidade de grau de óculos e ver o fundo do olho, revelando possíveis tumores ou cicatrizes na retina.

    A IDADE ESCOLAR CHEGOU: E AGORA?

    Se o seu filho já está em idade escolar, pode ser que você se depare com as conjuntivites virais, provenientes da convivência com muitas crianças em ambientes fechados. Para aliviar, faça compressas frias e procure um médico que indique colírios lubrificantes.

    Outro diagnóstico comum na fase escolar é o estrabismo, que é genético e sua aparição é mais comum por volta dos 4 anos de idade. Há três tipos de estrabismo que devem ser observados:

    Falso estrabismo: acontece quando a criança tem os olhos paralelos, mas a sensação é de que não são;

    Estrabismo de desvio intermitente: quando o olho parece entortar em algumas ocasiões. Nesse caso, o tratamento é clínico e deve ser colocado no olho “normal” para incentivar o outro olho a se corrigir sozinho;

    Estrabismo permanente: tem como tratamento a operação.

    menino com óculos enxergando um livro

    Forçar os olhos pode ser altamente prejudicial para as crianças. Fique atento aos detalhes. Foto: iStock

    A FASE DA ALFABETIZAÇÃO

    Seu filho tem entre 6 e 7 anos e está sendo alfabetizado? É importante voltar a visitar o oftalmologista. Muitas vezes, a falta de concentração do seu filho pode ser dificuldade de enxergar.

    Alguns dos problemas mais comuns que podem acometer as crianças são a hipermetropia, que pode causar dor de cabeça, o astigmatismo, no qual os objetos parecem desfocados e a miopia, que é mais comum na fase dos  7 anos, fazendo com que a criança force os olhos para enxergar de longe.

    A ambliopia, ou “olho preguiçoso” favorece a diferença de capacidade visual entre os olhos. O tratamento neste caso também é feito com tampão no olho melhor para estimular o olho que enxerga mal.

    O QUE FAZER PARA MEU FILHO ENXERGAR BEM

    Repare no comportamento visual dos seus filhos desde a primeira infância. Se a criança tem dificuldades para reconhecer pessoas de longe ou aperta os olhos para conseguir ver com mais precisão, pode ser um sinal de alerta. Lacrimejar demais ou se aproximar da televisão para ver um desenho são indícios de possíveis problemas de visão e, quanto antes diagnosticados, melhor.

    Veja também Videogame: benéfico ou vilão para os filhos?

    ÓCULOS COMO SOLUÇÃO

    A criança precisa de óculos? Não é o fim do mundo. Hoje, são diversos os modelos feitos especialmente para crianças, que trazem muitas cores e os personagens favoritos. Sempre mostre para seus filhos que usar óculos é uma boa alternativa para o conforto dos olhos e pode ser uma boa saída para enxergar bem.

    Crie rotinas de utilização e ensine à criança guardar e cuidar bem do seu novo companheiro,  para que ela se acostume a usá-lo de forma natural. E para te ajudar no combate, prevenção e tratamentos diversos, a Líderfarma preparou as melhores ofertas para você.

    Clique aqui e veja nosso tabloide virtual

    Fonte:  Revista Crescer