Transtorno mental na adolescência, como identificar?

out 7, 2021

0
Transtorno mental na adolescência, como identificar?

Transtorno mental na adolescência, como identificar?

Para os pais a temida fase, para os adolescentes uma montanha-russa de sentimentos.

Um turbilhão de hormônios, emoções à flor da pele: a adolescência é a época da vida em que ocorre muitas mudanças para a transição entre infância e vida adulta. Junto com as alterações hormonais da puberdade vêm as mudanças físicas, psicológicas, cognitivas e sociais, porém nem tudo está relacionado à “rebeldia” dessa fase.

Muitos adolescentes encontram dificuldades para lidar com esse mar de sensações e isso acaba afetando a saúde mental. Se não tratada, pode causar traumas para o resto da vida como depressão e ansiedade.

A depressão, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) é a doença mais frequente na adolescência, e o suicídio a principal causa de morte entre 15 e 29 anos.  Por isso a importância em identificar e tratar os transtornos mentais nessa fase.

Mas como perceber isso?  Terapeutas indicam aos pais e responsáveis para conversarem e prestarem atenção nos comportamentos dos adolescentes. Acompanhar as mídias sociais do jovem, ajuda a identificar sinais e possível mudanças de comportamento.

O abuso emocional é um dos principais fatores de transtornos mentais nos adolescentes, segundo estudo do psiquiatra Irismar Reis, professor com atividades acadêmicas em Salvador e nas universidades do Texas (Houston) e Drexel (Filadélfia), nos EUA.

Leia também: Ansiedade: quais são os sintomas e o que fazer para amenizar

Sinais e sintomas

Entender e principalmente, reconhecer os sinais é essencial para diagnosticar e prevenir transtornos mentais mais graves e até mesmo, o suicídio.

Observe se existe no adolescente isolamento, insônia ou excesso de sono, dificuldades de concentração, inquietação ou movimentos lentos, pensamentos de morte ou suicídio. Se identificar, procure ajude de um psicólogo ou psiquiatra, eles indicarão um tratamento mais adequado para cada caso.

Cuidar da saúde mental dos adolescentes é garantir o bem-estar e uma vida saudável no futuro. Pense nisso!